Flamengo 2 x 0 Atlético-MG – Galo ‘cozinha’ no inferno e está eliminado! – FALANDO DE FLAMENGO site de notícias do Flamengo


Flamengo 2 x 0 Atlético-MG – Galo ‘cozinha’ no inferno e está eliminado!

Flamengo foi superior o jogo todo e mereceu a classificação diante 64 mil torcedores.

Flamengo fez do Maracanã um ‘inferno’ para buscar a classificação às quartas de final.

Categorias:

Por: , 13/07/2022

Arrascaeta finaliza para o primeiro gol do Flamengo. Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Rio de Janeiro, RJ, 13 (AFI) – Diante de um clima hostil e de muita pressão, o Atlético-MG perdeu para o Flamengo, por 2 a 0, no Maracanã, no Rio, e está eliminado da . Gabriel, o Gabigol, prometeu que o estádio iria estar um ‘inferno’ e isso realmente ocorreu. O PLACAR FI acompanhou o duelo em TEMPO REAL.

O Atlético-MG havia vencido o confronto de ida, por 2 a 1, no Mineirão. Por isso, poderia até empatar para avançar. Já o Flamengo tinha que vencer por dois gols de diferença para avançar de forma direta, seguindo à risca o regulamento, para a felicidade de sua apaixonada e fiel torcida.

Com a classificação, o Flamengo garantiu a importante premiação de R$ 3,9 milhões. O adversário da próxima fase será conhecido na semana que vem, em sorteio realizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

CONFUSÃO!

O pré-jogo foi de muita confusão em volta do Maracanã. Isso porque torcedores das organizadas dos dois times brigaram com pedras e bombas. Além disso, o ônibus da delegação do Atlético-MG foi apedrejado quando entrou no estádio, causando um enorme tumulto e até invasão em alguns setores.

O JOGO

Como esperado, o Flamengo foi para cima do Atlético-MG no primeiro tempo e mereceu a vantagem de 1 a 0 antes do intervalo. Os cariocas tiveram mais posse de bola e viram os mineiros ficarem recuados na defesa à espera do contra-ataque. Logo aos 12 minutos, Arrascaeta passou pela marcação e finalizou com a perna esquerda para defesaça do goleiro Everson.

A pressão do Flamengo seguiu, mas a defesa do Atlético-MG esteve bem postada e conseguiu travar finalizações perigosas, como a de Rodinei, aos 21 minutos, e depois aos 26 minutos, desta vez com Everton Ribeiro. Em noite inspirada, Arrascaeta também tentou aos 30, mas mandou por cima do travessão de Everson.

Melhor em campo, o Flamengo foi coroado com gol aos 45 minutos. Pedro ganhou dividida com Allan e deu ótima assistência para Arrascaeta. O uruguaio invadiu a área e finalizou na saída do goleiro Everson, fazendo a bola ir lentamente para o fundo das redes. Delírio da torcida rubro-negra nas arquibancadas.

Arrascaeta finaliza para o primeiro gol do Flamengo. Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

No segundo tempo, o Flamengo seguiu superior em campo e marcou o segundo gol aos 18 minutos. Após cobrança de falta, a bola sobrou para Arrascaeta na segunda trave, ele cabeceou, acertou a trave e viu a bola ultrapassar a linha do gol, embora o goleiro Everson tenha tentado salvar. O VAR revisou e validou o lance, deixando os cariocas em vantagem pela classificação.

Após o segundo gol, o Atlético-MG precisou sair para o ataque, mas levou outro ‘golpe’ dentro de campo aos 34 minutos, quando o zagueiro Junior Alonso recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

Nos minutos finais, o Flamengo se fechou na defesa e viu o Atlético-MG alçar bolas na área, todas sem sucesso.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 2 0 Atlético-MG Fase: Oitavas de Final Rodada: Volta Data: 13/07/2022 Hora: 9:30 pm Arbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO) Assistentes: Bruno Raphael Pires (GO) e Bruno Boschilia (PR) Estádio: Maracanã Público: 62.624 pagantes Endereço: Rio de Janeiro (RJ) Renda: R$ 3.423.620,25 Cartões Amarelos: Flamengo: João Gomes, Thiago Maia e Everton Ribeiro Atlético-MG: Allan e Mariano Cartões Vermelhos: Atlético-MG: Junior Alonso GOLS: Flamengo: Arrascaeta 45’/1T e 18’/2T Flamengo

Santos; Rodinei, David Luiz (Fabrício Bruno), Léo Pereira e Filipe Luís (Ayrton Lucas); João Gomes, Thiago Maia, Everton Ribeiro (Victor Hugo) e Arrascaeta (Diego); Gabriel e Pedro (Marinho).

Técnico: Dorival Júnior Atlético-MG

Everson; Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan (Igor Rabello), Jair (Otávio), Zaracho (Vargas) e Nacho Fernández (Rubens); Ademir (Keno) e Hulk.

Técnico: Antonio Mohamed

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.