Flamengo desiste de ação no STJD para rever sorteio da Copa do Brasil – FALANDO DE FLAMENGO site de notícias do Flamengo


Flamengo desiste de ação no STJD para rever sorteio da Copa do Brasil

O clube carioca reclamava de uma restrição aplicada aos sorteios dos mandos de campo para as quartas de final

O Flamengo protocolou ação no STJD mas desistiu de questionar o sorteio da Copa do Brasil

Categorias:

Por: , 21/07/2022

Foto: Divulgação/Flamengo desistiu de questionar o sorteio da , realizado na terça-feira. Nesta quinta, o clube avisou ao tribunal que não vai seguir com a medida inominada que pedia uma liminar para alterar o sorteio.

“Embora o Flamengo não concorde com a possibilidade de um sorteio sofrer ajustes que interfiram em seu resultado e entenda que o presente processo encerra uma postulação juridicamente correta e justa, o clube prefere nesse momento dar um voto de confiança à nova gestão da CBF, esperando que no futuro os processos sejam mais transparentes e legítimos. Em virtude disso, vem desistir da presente demanda”, afirmou o clube.

A reclamação do time carioca se referia a uma restrição aplicada ao sorteio dos mandos de campo das quartas de final da Copa do Brasil. Garantidos nas quartas, Flamengo e Fluminense não poderiam jogar em casa na mesma perna dos seus confrontos, seja de ida ou de volta, por questões de segurança.

A regra acabou causando uma mudança na ordem dos mandos. Inicialmente, tanto o Fla quanto Flu foram sorteados para jogarem em casa a segunda partida dos seus confrontos. Mas, diante da restrição, houve novo sorteio para definir quais dos dois duelos teriam seus mandos alterados para evitar a coincidência de jogar dois times cariocas no Rio no mesmo dia. E a nova definição apontou para a inversão do mando do Flamengo.

NOVO SORTEIO NÃO AGRADOU O FLAMENGO

Este novo sorteio, mais específico, irritou a direção do rubro-negro.

“O Flamengo ajuizou, em 19.07.2022, a presente Medida Inominada, cujo objeto é a impugnação do sorteio dos mandos de campo para a 5ª fase da Copa do Brasil 2022 (quartas de final), organizado pela CBF, em razão de entender haver falta de transparência no procedimento de sorteio, o qual acarretou a inversão da ordem de mando de campo para as partidas a serem realizadas entre o Flamengo e o Athletico-PR”, disse o clube, nesta quinta.

A regra não é novidade e já havia sido aplicada no sorteio das oitavas de final. Na ocasião, a situação se repetiu, mas com resultado diferente. Foi o Fluminense que teve o mando de campo invertido, tendo que enfrentar o Cruzeiro fora de casa na segunda partida do duelo.

No mesmo dia, a CBF soltou comunicado para esclarecer a questão. Inicialmente, o Flamengo havia rebatido os pontos explicados pela entidade. Mas decidiu voltar atrás. “Posteriormente, a CBF prestou esclarecimentos públicos sobre seu modus operandi, bem como revelando um histórico que demonstrou não haver nenhum propósito de beneficiar ou de prejudicar quem quer que seja, mas apenas um processo falho em sua concepção e operação.”

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.